Darlan Romani fica em quarto lugar na estreia na Liga Diamante em Roma – Mais Esportes – Superesportes

Campeão olímpico indoor, Darlan Romani ficou em quarto em Roma foto: Wagner Carmo/CBAt

Campeão olímpico indoor, Darlan Romani ficou em quarto em Roma

 O campeão mundial indoor do arremesso do peso, Darlan Romani (ABRA-SP), estreou na Liga Diamante, nesta quinta-feira, no Golden Gala Pietro Mennea de Atletismo, no Estádio Olímpico de Roma, Itália. O catarinense terminou em quarto lugar, alcançando a marca de 21.15 m, obtida em sua segunda tentativa. Este é o principal circuito de competições da World Athletics.O norte-americano Joe Kovacs foi o campeão, com 21.85 m, seguido do croata Filip Mihaljevic, com 21.18 m, mesma marca do polonês Konrad Bukowiecki, terceiro colocado.

Saiba mais

Brasileiros Glover Teixeira e Taila Santos lutam por cinturão no 'UFC 275'

Brasileiros Glover Teixeira e Taila Santos lutam por cinturão no ‘UFC 275’

Nadal inicia novo tratamento para doença degenerativa no pé

Nadal inicia novo tratamento para doença degenerativa no pé

Comitê Olímpico do Brasil completa 108 anos

Comitê Olímpico do Brasil completa 108 anos

Guga comemora 25 anos do primeiro título em Roland Garros

Guga comemora 25 anos do primeiro título em Roland Garros

Biles e outras vítimas de Nassar pedem indenização de US$ 1 bilhão ao FBI

Biles e outras vítimas de Nassar pedem indenização de US$ 1 bilhão ao FBI

Darlan está em ritmo pesado de treinamento em León, na Espanha, onde conta com a orientação do especialista cubano Justo Navarro. O objetivo é chegar na melhor forma no Campeonato Mundial do Oregon, que será disputado de 15 a 24 de julho, nos Estados Unidos.No World Athletics Continental Tour, da série prata, dois brasileiros participaram do Memorial Matica Sustersica, em Liubliana, Eslováquia. Derick Souza (Pinheiros-SP) ganhou a medalha de bronze nos 100 m, com 10.42 (1.1). O norte-americano Elias Hall foi o vencedor, com 10.10, seguido do dinamarquês Kojo Musah, com 10.42, mesma marca do brasileiro.Nos 400 m com barreiras, Chayenne Pereira da Silva (Pinheiros-SP) terminou na quinta colocação, com 58.04. O pódio foi formado por Daniela Ledecka, da Eslováquia, com 57.12, seguida de Aminat Jamal, do Bahrein, com 57.25, e de Vera Barbosa, de Portugal, com 57.26.Já no Meeting Internacional Cidade de Guadalajara, também disputado nesta quarta-feira, na Espanha, a paranaense Tabata Vitorino (AA Maringá-PR) foi um dos destaques. Ela ganhou duas medalhas de ouro na competição: nos 200 m, com 23.54 (1.2), e nos 400 m, com 52.76.Nos 200 m, a espanhola Alba Borrero Gerard ficou em segundo lugar, com 24.08, seguida da dominicana Alianni Rosario, com 24.72. Por fim, nos 400 m, Evelin Del Carmen, da República Dominicana, ficou em segundo lugar, com 54.79, seguida de Alianni Rosario, com 55.48.

Admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.