Sérgio Coelho acredita que Conselho do Atlético aprovará venda do shopping – Superesportes

Sérgio Coelho revelou que o Atlético conversa com os conselheiros sobre a venda do shopping há meses foto: Bruno Sousa/Atlético

Sérgio Coelho revelou que o Atlético conversa com os conselheiros sobre a venda do shopping há meses

Presidente do Atlético, Sérgio Coelho acredita que o Conselho Deliberativo do clube aprovará a venda do Shopping Diamond Mall. O tema será debatido nesta segunda-feira (30) e terça-feira (31), no auditório da Sede Administrativa e de maneira virtual. 

Saiba mais

Comissão do Palmeiras teme semana livre antes de jogo contra o Atlético

Comissão do Palmeiras teme semana livre antes de jogo contra o Atlético

Hulk fica a dois gols de alcançar top 10 de artilheiros do Galo na Série A

Hulk fica a dois gols de alcançar top 10 de artilheiros do Galo na Série A

Atlético não vê quarteto em condição de ser titular contra o Palmeiras

Atlético não vê quarteto em condição de ser titular contra o Palmeiras

Para aprovar a venda da porcentagem restante do Diamond Mall (49,9%), o Atlético precisa que 2/3 do Conselho vote a favor. Desta forma, 280 conselheiros precisam concordar com a alienação do shopping, avaliado em R$ 363,2 milhões (valor divulgado pelo clube durante o Galo Business Day). Sérgio Coelho destacou que o valor que seria recebido pelo Diamond Mall será fundamental para a conclusão das obras da Arena MRV, futuro estádio do clube.  “Será uma semana muito importante, porque hoje é a grande votação para que o conselho aprove ou não, a negociar, vender o Diamond Mall, e também darmos as cotas da Arena MRV em garantia de operação financeira. Esse valor é muito importante neste momento, para terminarmos as obras”, disse o presidente. O dirigente vê um cenário positivo para a aprovação pelo Conselho. Segundo ele, o clube já trabalha nos bastidores há meses, e o próprio dirigente tirou dúvidas e explicou o negócio a conselheiros na semana passada.  “Estamos trabalhando isso há quatro, cinco meses. Já tivemos uma assembleia, em que tivemos a oportunidade de falar. Inclusive, o Rubens Menin foi muito feliz na forma com que explicou. Nós todos temos conversado, particularmente, com cada um dos conselheiros”, disse. “Eu mesmo fiquei, na semana passada, fazendo contato com conselheiros, explicando, tirando as dúvidas. Estamos tranquilos, porque o trabalho foi muito bem feito. O conselho está apoiando, acredito que não teremos dificuldade. Mas votação é votação, temos que aguardar”, complementou Sérgio. O Atlético projeta arrecadar entre R$ 270 e R$ 330 milhões com a venda do shopping. Dessa forma, poderia obter entre R$ 50 e R$ 61 milhões em descontos nas renegociações. Uma segunda votação será realizada, para alienar as cotas de um Fundo de Investimento Imobiliário, cotista único da Arena MRV, a serem dadas em garantia de operação bancária. A destinação dos recursos será exclusivamente para a construção do estádio.  

Dívidas do Atlético

 O presidente do Atlético também comentou a dívida de R$ 1,312 bilhão do clube. Ele lamentou os altos juros bancários, mas ressaltou que o parcelamento com outros credores facilitará o pagamento. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. – foto: Divulgação/Will Rios Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. – foto: Divulgação/Will Rios Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. – foto: Divulgação/Will Rios Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. – foto: Divulgação/Will Rios Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. – foto: Divulgação/Will Rios Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. – foto: Divulgação/Will Rios Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. – foto: Divulgação/Will Rios Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. – foto: Divulgação/Will Rios Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. Com mais de 25% dos votos, Manto da Massa produzido pelo atleticano Will Rios venceu o terceiro concurso da já muito popular camisa do Atlético. Modelo é comercializado com exclusividade, inicialmente, para sócios-torcedores. – foto: Divulgação/Will Rios Ver todas

Veja imagens da nova camisa do Galo

 “A dívida já está quase toda negociada. Temos uma dívida bancária, em que os juros são altos. Nessa dívida bancária é muito difícil termos descontos. Mas temos alguns parcelamentos de dívidas com funcionários, empresários, jogadores e ex-jogadores. Com esses credores, acreditamos que teremos desconto”, explicou. Sérgio Coelho, no entanto, evitou dizer qual será o valor do desconto. Segundo o dirigente, o clube só irá negociar quando obtiver o dinheiro para o pagamento da dívida.  “Agora, qual o valor do desconto, o resultado que vamos conseguir de desconto, não temos essa previsão, porque isso é na hora que for negociar, sentar. Não tem como querer negociar agora porque não temos o dinheiro em mãos. Quando tivermos, será o momento de sentarmos e tentar fazer as negociações da melhor maneira possível para o Atlético e os credores”, disse.

Admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.